segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Herdade do Freixo do Meio, 6º Encontro d'Outono, 12 Novembro de 2017

Realizou-se na graça da Natureza harmoniosa no Domingo 12 de Novembro de 2017 na Herdade do Freixo do Meio, não longe de Montemor, mais um encontro de convívio Outonal, o 6º, com os burros, as árvores (em especial os sobreiros), as pessoas, as comidas, e os cogumelos, este ano  bastante raros pelas lastimáveis razões que todos sabemos. Mas não houve incêndios nesta região, pois os eucaliptos não existem e a agricultura é amada nesta grande herdade cultivada de modo biológico e em muitos aspectos exemplar, orientada de modo cooperativo pelo Alfredo Cunhal Sendim e os seus, a quem agradecemos mais esta bela jornada...
       Algumas imagens do encontro: 

Embora cada um virado para o seu lado, trabalha-se em equipa...
Nossos irmãos meigos...

Árvores sagradas, mães, mestres...


Da espiral e do entrelaçamento ascendente na natureza e em nós...



Espíritos da Natureza que bramem por vezes...


O Alfredo com uma parte do mundo às costas, mas de modo leve, ou não fosse ele um amigo de S. Francisco de Assis e de Agostinho da Silva, e um adepto do Espírito santo entre nós...
 

Duendes que nos espreitam...
Dos conúbios entre as pedras e as árvores
Dos tamanhos dos seres e das suas auras subtis, e do Amor que deveria ser mais vivido entre todos
 

Tanta energia serpentina e espíritos da Natureza crepitando do mundo etérico para o nosso olhar e fotografia
 

A casca da árvore  e a pele humana e do animal ao serem acariciadas, amadas, harmonizam os seus seres...

Ligarmos a terra e o céu mais incessantemente, tal como as árvores, é orar, amar, ajudar, partilhar...

Seres muito calmos, terapias naturais livres...
A Isabel sintonizando, orando, harmonizando-se comunicando...
 
Um sábio discreto...

Perfil de duende trabalhado nos fungos esverdeados-amarelados
Camadas, níveis da casca, pele ou aura...
Folhas crepitando de luz, calor e amor que do Sol chegam a elas e a nós...
Árvores, eixos dos mundos
Espíritos da natureza que nos sorriem...



Conjunções de forças e seres: onde 2 ou 3 se reúnem sob ou em busca da Verdade, a Luz e o Amor estarão presentes...

Água, Chuva, Oremos...
 


Uma dríade bem disposta sorri-nos. Olá...
Água, poço, canavial, arvoredo, oásis...


As novas estufas, bem maiores e com boas combinações de aromáticas e flores com os legumes...


Cavalo lusitano
 
Brincar com a água, lavar a aura no azul e branco...
 
                                     
Os passeios com os cavalos são sempre apreciados pela petizada...

Amor, mãos e corações abertos e ultrapassando as barreiras, aproximando da Unidade Divina...
                                             

Sem comentários: