sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

XXX Feira Internacional de Minerais, Gemas e Fósseis, em Lisboa



O Museu Nacional de História Natural e da Ciência acolhe, de 8 a 11 de Dezembro, a XXX Feira Internacional de Minerais, Gemas e Fósseis, em Lisboa, à rua da Escola Politécnica, numa das entradas para o mítico Jardim Botânico (que esperemos que saia indenme das obras que está à sofrer), ligada ao tema "MINERAIS E BIOESFERA", para o qual organizará algumas palestras....
Eis algumas imagens das maravilhosas ofertas da mãe Natureza e dos Espíritos elementais da Terra, para embelezar, purificar e elevar as almas humanas, mas que não as sabem apreciar devidamente, pois se toda a gente as contemplasse e sentisse mais, o mundo estaria bem melhor... Mas olha-se mais para as múltiplas alienações que os meios de Comunicação fornecem pródigamente...

Cerca de 108 fotografias imagens ou contas de encantar e de rezar, como são as do Japa mala da Tradição Indiana. Se por cada uma das imagens pensar ou dizer um bom adjectivo, ou pensar em enviar para alguma alma amiga, já partida para o mundo espiritual ou ainda nesta peregrinação, fará um bom exercício espiritual sobre si mesmo, para essas pessoas e para o Universo. Boa sorte...
Entretanto acabei por legendar algumas...
Imagens do Oceano Primordial da Beleza Divina descido às profundezas da Terra e de lá metamorfoseado e ressuscitado para nos harmonizar e iluminar...



Qual estatueta da Deusa Mãe ou de uma Veladora dos mistérios do Amor e da Morte e Renascimento...








Uma bela Calcite da serra dos Candeeiros, estilo catedral, que namorei alguns minutos mas que  subitamente encantou uma senhora que a levou...









As ligações entre o corpo humano e os minerais e a geografia da Terra desafiam-nos sempre










Mariana, companheira com o pai, o Jorge, dos primeiros vinte minutos. Depois será a lenta contemplação amorosa, entrecortada por três diálogos com conhecedores-expositores-amigos, e uma ou duas pessoas afins súbitas..







Zeisite...
Cristalizar ou dimantizar o crâneo, uma arte bem alquímica, espiritualmente 










Uma das mais fascinantes, entre a barca e a gruta, pequenas estalagmites...


De novo a barca de Ísis, com um fundo de calcedónia...

Espuma e cristalizações do Oceano do Amor Divino







Quais colchas coloridas ou arco-iris bem mais telúricos e encarnados, quem não gostaria de comer este bolo ou vestir-se com este pocho?



Uma gruta de ametista das mais altas, qual canal de ligação vertebral, nossas cores...






Quais Magmas cristalizados, colunas de fogo da Terra e do Céu fundidas...

Cristais bem fortes e irradiantes... Mas quem sabe medir mesmo as suas forças?



As cores da calcopirite vemo-las pouco e imaginamo-las ainda menos... E contudo...


Quais anémonas do fundo do Oceano imaginal....

Muito bela e original, denominada pirite do sol, do continente americano...

Certamente o mineral mais mandálico, embora vários fósseis em espiral também brilhassem...

A bela Celestina, não do Rojas e de Castela, mas de Madasgar


Shiatsu cristalino: bela ideia...

Fluorita, da Mina Jaimina, nas Astúrias...
Um Anjo da Guarda bem rosado ou amoroso: feliz de quem o tiver pois está sempre a ver o mundo por uma aura de cor de rosa...


Celestite, Enxofre, vindo do antigo reino da Sícilia...



Na palma da mão o Cristal da Criação

Fazendo sorrir o nosso coração... Guardadores, protectores..

Anjos discretos, espíritos subtis por vezes animando pedras, estátuas e cristais...

Radiações mil vezes subtis, como as nossa alma espiritual e coração...

Esfarelite... Variedades infinitas... Que Inteligência Artística Cósmica

Uma esfinge navegante...


O que está em cima é como o que está em baixo, estrelas infinitas assim na terra como no céu...


E a beleza da gruta do nosso coração, será muito inferior a esta?




S. António e o Menino, nascido das conchas de Vénus e batizado nas vieiras da costa de Santiago 
Bem aventurados os simples e despreendidos, confiantes no futuro divino e amoroso...






Uma bela Rodocrosita, da mina Uchucchacua, Oyon, Lima, Peru...



Certamente uma das mais impressionantes, mas bem cara...
Fluorita, Floresça, Irradie as cores do Amor invencível....

Barita, do Peru...








Companhia de almas subtis...
Luz e Amor Divinos para elas e para nós,

e para a Terra e o Cosmos...

Sem comentários: