domingo, 26 de julho de 2015

Pedras sagradas dos Açores. Ilha da Terceira, Praia e Angra. 8/7/2015

Imagens do 1º dia de uma estadia nos Açores, na ilha da Terceira, 8 de Julho de 2015

Ondas espiraladas e frequências vibratórias na terra e no mar, no ar e na psique...
Um amiguinho saudando-nos na orla marítima da cidade da Praia
Olá...
Ilhas de sonho, ilhas desconhecidas, ilhas do rei Artur ou de S. Brandão
O arco ogival e ao fundo a ilha encantada pelo alto e pelos horizontes infinitos de nuvens 
Desejos das costas beijarem as ilhas e fazerem retornar o Desejado...
Da frescura amorosa que vence as separações ou distâncias, ou dos ósculos subtis nas frontes clarividentes...
Sê uma ave atenta, a todo o momento pronta a voar...
O paredão ou ponto firme interior, a orla do mar cheia de potencialidades e o voo subito do espírito...
Na orla adocicada da marina. o pato branco sonha na brancura imaculada
Partir, voar, como um cisne dos Himalaias, atravessando as distâncias e chegando até ti...
A Ilha encantada, avatar do Futuro mais Sagrado a que todos aspiramos..
Foi uma fonte, no jardim central da Praia, mas hoje secaram-na... As políticas da água paga ou privatizada secam muitas fontes, tal como as crises da corrupção as melhores potencialidades dos cidadãos comuns...
No Centro Cultural da Praia, junto ao belo arqueamento claustral um grupo de violinistas habilidosos ensaiam com persistência e denodo, dando o exemplo que a união faz a força...
Cruzes de cabeceira da Ordem de Cristo emitem as suas radiações douradas ocultas na pedra que há que rectificar, reinventar...
Pia baptismal na igreja da Sé em Praia pleno de volutas energéticas naturais aspirando ao acesso do mundo simbólico e espiritual, ou das energias purificadoras e intensificadoras da água nas almas...
Tríadas de construtores nos capitéis das colunas..
O portador do Graal...
Do espírito santo vivo em nós...
Nosso ser mais íntimo, sir-e-sir...


Sem comentários: