sábado, 4 de outubro de 2014

Das árvores sagradas lisboetas. Jardim da Estrela, video e imagens. 4-11-2014





Jardim da Estrela, sábado á tarde, com uma feirinha...


 
Fadas e crianças atravessam a cantar as veredas que levam aos lagos, árvores e fadas




O lago como espelho humano do céu, por vezes limpo e reflectindo o Azul imenso ou o cintilar da Estrela
Descem os cabelos da figueira sagrada que pede que a deixemos enraizar-se ou então que a acariciemos, penteemos, levemos à boca ,ao abraço ou então que por ela subamos até ao Céu...


Escorre a resina, seiva e sangue arbóreo sobre o tapete da primeira cama de folhas outonais amarelas...




Um espírito da natureza, um deva, um deus, surge e olha-nos com amor, qual um Shiva ou anjo subtil que nos convida a estarmos mais em amor....


Ondulações centenárias, enraizamentos profundos, aspirações infinitas ao Sol e ao Amor, a grande religação entre a terra e o Céu divino, como nós....

Sem comentários: