sábado, 12 de julho de 2014

Ourivesaria Sarmento, exposição colectiva de Ana Mandillo, Sónia Estevão e Hirondino Pedro. Julho de 2104..







           Inaugurou Sexta-feira, 11 de Julho de 2014, na prestigiada e já centenária ourivesaria Sarmento, à rua do Ouro (nº 251), uma exposição colectiva de Ana Mandillo, com as suas Luminosidades, ou Ana Mandillo - Plasticidades, Sónia Estevão, ourivesaria e joalharia criativa, e Hirondino Pedro, pintura...
Estiveram presentes a Ana, e a sua vasta família, a Sónia, o Estêvão Barahona e sua mãe, a notável joalheira Pilar Andaluz, mulher do afamado poeta António Barahona, entre muitas outras simpáticas pessoas, tal como o Paulo Mareca, o que possibilitou diálogos valiosos...


Desenhos e exposições antigas guarnecem as paredes de bela ourivesaria e local de exposições que é a Ourivesaria Sarmento, à quinhentista rua olisiponense Áurea....
Faça-se Luz colorida e ondulatoriamente *******

Que as cores luminosas iluminem mesmo o imobilismo do passado, as trevas do inconsciente. o potencial de heroicidade ou santidade...

Sobre e sob o pano de fundo museológico da ourivesaria Sarmento, das pinturas de Hirodino Pedro e das luzes da Ana, ocorrem diálogos valiosos, com o Vicentinho a espreitar embevecido as alturas...

As misticas colorações luminosas da Ana Mandillo iluminam e aquecem  verdadeiramente os seres.... 

Esta sereia, do Hirondino Pedro, que paira sobre a cabeça de João Baptista faz-nos lembrar as tentações de S. Antão... Mas quem sabe o que diriam e sentiriam hoje ambos os santos? Será que o Eterno Feminino não terá recuperado nos dias de hoje mais sacralidade ou santidade para a mulher sereia ou as ondinas sereias?

Uma dama de pé-de-cabra, um alma com amplo e livre inconsciente está bem sentada em qualquer lugar ou mundo

A criança verde e inocente, um espírito da Natureza e das flores, ou as incursões nas germinação subtil dos seres no amplo Universo...
Hirundino Pedro tem uma percepção funda da Natureza e dos seus seres permeados de Amor e consegue-a transmitir em pinceladas directas e quentes que nos alegram com a  Unidade Amorosa de toda a existência, próxima da wahdat al wujud dos sufis e gnósticos, ou de alguns pintores russos post-modernos...

A delicadeza da criatividade colorida da Sónia

A Sónia e duas amigas dialogam sob as centenárias abóbadas da ourivesaria Sarmento

Sob ou no teu pescoço porei um colar de róseas canções

A Sónia reencontrou a Pilar Andaluz que fora sua professor de joalharia e alegraram-se nos projectos em curso... 

Outrora os portugueses singravam em caravelas de ouro pelos mares sem fim... 

Mesmo aos pagodes chineses chegava a arte e o engenho lusitano

Da criatividade do coração português há muitos sinais pelo que a esperança nunca será em vão...

Sonhos glamorosos de marcas mundiais 

O Estevão promete defender a arca aurea da pátria dos salteadores político-financeiros....
Qual Baphomé templário, este Pan sentado augura que a Natureza e os seus espiritos e Kami saberão sobreviver ao Homem e inspirá-lo e uma nova Humanidade mais ecológica e artística, fraterna e espiritual será uma realidade....
                                                       
Sonhos azuis, invocações artística e infantis divinas...
A união faz força, mote de ferro forjado para os Portugueses futurantes...


Sem comentários: